Conheça os principais benefícios previdenciários:

Aposentadoria por Idade – Destinada a homens com mais de 65 anos de idade e mulheres com mais de 60 anos que possuem contribuição previdenciária mínima (carência suficiente).

Aposentadoria por Tempo de Contribuição – Aposentadoria destinada aos trabalhadores que contribuíram por 35 anos, ou 30 anos, se mulher. Neste tipo de aposentadoria é possível a conversão de tempo especial (para trabalhadores em situação de insalubridade, penosidade ou periculosidade) o que pode levar o trabalhador a conseguir provar este direito antes do tempo comum previsto. E existe ainda a hipótese de aposentadoria proporcional para casos específicos.

Aposentadoria de Professor – Destinada aos profissionais da educação que possuam pelo menos 30 anos de magistério se homem, ou 25, se mulher.

Aposentadoria Especial – Aposentadoria sem fator previdenciário, para profissionais que tenham exercido atividade especial por, 15, 20 ou 25 anos, conforme o caso. Como por exemplo, profissionais da saúde (médicos, dentistas e enfermeiros), profissionais de limpeza urbana (garis e lixeiros) e quaisquer outros que estejam expostos a agentes físicos em excesso (eletricidade, ruído, frio, calor…), químicos (agentes químicos como xileno, benzeno, mercúrio, tolueno e outros) ou biológicos (germes e bactérias).

Aposentadoria do Deficiente por Idade ou por Tempo de Contribuição – Aposentadoria com redução da idade mínima, ou redução do tempo de contribuição para pessoas portadoras de deficiência leve, média ou moderada.

Aposentadoria por Invalidez – Benefício devido ao trabalhador permanentemente incapaz de exercer qualquer atividade laborativa.

Aposentadoria por Incapacidade Temporária – Nomenclatura utilizada para a Aposentadoria por Invalidez após a Reforma Previdenciária.

Aposentadoria Programada – Após a Reforma Previdenciária as aposentadoria por tempo de contribuição e por idade, deixaram de existir, e suas regras foram alteradas para uma espécie de fusão das duas.

Auxílio Doença –Benefício por incapacidade devido ao segurado do INSS que comprove estar temporariamente incapaz para o trabalho em decorrência de doença.

Auxílio Doença Acidentário – Benefício por incapacidade devido ao segurado do INSS que comprove, em perícia médica, estar temporariamente incapaz para o trabalho em decorrência de acidente.

Auxílio por Incapacidade Temporária – Nomenclatura utilizada para o Auxílio Doença após a Reforma Previdenciária.

LOAS Idoso – O Benefício de prestação continuada ao idoso (BPC Idoso), também conhecido pelo nome da lei, LOAS Idoso, é devido para todos os idosos com mais de 65 anos de idade, independente do sexo (homem ou mulher) que não tenham fonte de renda (existe um mínimo per capita familiar) e não possuem os requisitos para uma aposentadoria por idade.

LOAS Deficiente – O Benefício de prestação continuada ao deficiente (BPC deficiente), também conhecido pelo nome da lei, LOAS deficiente, é devido para os deficientes que não tenham fonte de renda mínima familiar e não possuam os requisitos para um benefício previdenciário.

Regra 85/95 – Regra da aposentadoria por tempo de contribuição que permite ao segurado ser isento do fator previdenciário. Após a reforma previenciária esta regra passou a ser utilizada para efeito de Direito e não mais para salário. Mas lembramos que os benefícios do Direito Adquirido persistem aos que implementaram todos os requisitos.

Revisão – Ato ou efeito de pedir uma nova análise de benefício, cujo o segurado já esteja recebendo, para alteração de salário, tempo ou espécie.

Além destes existem diversos outros benefícios e requerimentos administrativos no âmbito previdenciário e nós estamos aqui para auxiliá-lo no que for devido e mais vantajoso para você.

Contamos com uma equipe de especialistas que acompanham diariamente todo os casos dos nossos clientes.